Cosplay – a verdadeira origem e sua história

0
752
Cosplay-Origem-e-História

Cosplay teve sua origem muito, mas muito antes dos anos 90, como muita gente imagina

Registros históricos apontam que o primeiro cosplay (ou fantasia) usado especificamente para uma convenção foi feito por Forrest J. Ackerman, editor e escritor de ficção ciêntifica. Na década de 1930, os eventos de ficção científica eram bem pequenos e voltados especificamente para a cultura sci-fi.

Os personagens de quadrinhos, que mais tarde se tornariam o grande gancho das convenções, ainda não existia (como exemplo, Superman só estreou em 1938).

O primeiro evento, a gente nunc…as vezes esquece!

things_to_come_5075A primeira Convenção Mundial de Ficção Científica – Worldcon – teve lugar em em Nova York no dia 2 de julho de 1939, quando Forrest decidiu comemorar a ocasião usando uma fantasia baseada nos uniformes militares espaciais do filme Things to Come.

A fantasia que ela fez – capa verde em cetim, calças “peg” e ombros que foram fixados no estilo art deco – causou entre os fãs do filme. Forrest e sua namorada Myrtle ficaram na entrada do evento, cumprimentando as pessoas e falando somente em esperando, a “língua do futuro”. Os dois reprisaram sua performance no ano seguinte, realizando uma esquete ainda inspirada no filme.

Daquele ponto em diante, a “fantasia” tornou-se uma parte integrante deste tipo de evento. Sem o acesso a materiais, tutoriais e referências como temos hoje, na época era meio complicado criar o próprio figurino pois não existia nem Video K7 (aparelho antigo para ver filme, com vitas VHS, para quem não conhece rs), só algumas imagens em cores de divulgação (já que o filme era em preto e branco desbotado).

Isso fez com que surgisse muitas fantasias “genéricas”, bem distante das características originais dos personagens dos filmes.

Wordlcon-1949A Worldcon, que era vista como porta-estandarte dos eventos para fãs, em 1940, contou com uma “mascarada”. Ao contrário dos cosplays de hoje, o que aconteceu foi um verdadeiro baile de máscaras.

Já em 1950 deram os primeiros passos, num princípio de “contest”, que são os concursos de fantasias, que hoje é onipresente em todos os eventos anime e convenções geeks.

O encontro do oriente com o ocidente na Cultura Pop

No final de 1970 os fãs de ficção foram começando a tomar conhecimento e se envolvendo no universo das séries animadas de TV do Japão. Neste período é onde o primeiro cosplay anime parece dar o ar da graça. Karen Schnaubelt, fã de anime desde a infância, em 1979 apresentou-se na convenção como personagem de Space Pirate Captain Harlock…

key_art_captain_harlock

…e  no ano seguinte, reunindo um grupo de Star Blazers na Worldcon. Este parece ser um dos primeiros, senão o primeiro cosplay anime americano.

Star Blazers

O primeiro uso do termo cosplay em publicações foi feito pela revista My anime em 1983 e chegou aos Estados Unidos, quando os japoneses vieram para participar da WorldCon de 84, que marcou por ter pela primeira vez cosplays ocidentais e orientais juntos. Para cobrir o evento foi enviado então o repórter Nov Takahashi, que criou o a palavra cosplay para descrever o que ele viu acontecendo no evento de “americanos estranhos e sua convenção sci-fi”. Usando a junção de palavras “costume” (fantasia) e “play” (referindo-se à ação de trajar, brincar, representar).

.

Deste fato da para a gente definir bem as coisas: O conceito foi criado pelos americanos, e os japoneses o batizaram de COSPLAY.

.

O que é desconhecido ainda, é quando realmente começou esta onda no Japão, de criar as próprias fantasias e apresentá-las nos eventos locais, após o artigo de Takahashi em 84. Também é desconhecido se o primeiro japonês a criar um cosplay o fez inspirado na cultura japonesa ou “copiando” os americanos com fantasias do Spider-Man ou Han Solo, por exemplo.

Worldcon 1984
Worldcon 1984

Por estas duas razões cruciais desconhecidas e não documentada, ninguém pode afirmar com certeza que os japoneses originaram o cosplay como conhecemos hoje. Uma coisa, porém, é certa: o conceito de criar e vestir um cosplay de um personagem da “mídia” não era de forma alguma associado a qualquer pessoa de origem japonesa, mesmo dando esta impressão pela super popularidade (digo mais, um fenômeno) atual no Japão.

.

Então, das conclusões que podemos tirar com base em fatos:

  • Cosplay não foi inventado pelos japoneses (somente o termo);
  • Foi criado a muito mais do que 20 anos, como muitos dizem por ai;
  • O cosplay anime surgiu num segundo momento da história.

.

Antes de polemizar ou qualquer outra coisa do tipo, o foco deste tipo de pesquisa é entender as origens, pois sabendo de onde veio vai ajudar a todos nós a perpetuarmos  o conceito e garantir sua “vida” por muito tempo 😉

.

Fontes:

http://www.costume-con.org/genesis.shtml
http://www.fanac.org/worldcon/
The International Costumer’s Guild
Yipe!Zine
Forry Ackerman