Alugo-me para o Dia dos Namorados

1
893
alugo-Me-dia-dos-namorados

É só chegar perto do Dia dos Namorados e começa, mais uma vez, aquela velha brincadeirinha…com fundo de verdade

Muita gente já deve ter lido nas redes sociais o post daquele seu amigo maroto (ou amiga) compartilhando aquele meme do ” Alugo-me para o Dia dos Namorados ” (como na imagem do post, acima). Ou você mesmo, não? Quem nunca? Eu mesmo já fiz isso e me achei o máximo! (SQN)

Brincadeiras a parte, se você for parar, respirar fundo e olhar ao seu redor, vai começar a ver que onde há fumaça, neste caso, não há fogo. Sim, falta fogo, falta calor, falta amor…as coisas andam meio frias e vazias.

Mas antes de entrar neste assunto, vamos ao principio dos fins da porra toda: Você sabe a origem do Dia dos Namorados?

vitrine dia dos namorados
O amor está no ar e nas vitrines das lojas

A data surgiu em São Paulo no dia 12 de junho de 1949 (tinha que ser em Sampa, terra do business…se fosse no Rio teria surgido uma bela música de Bossa Nova), numa iniciativa da loja A Exposição-Clípper. Foi uma adaptação do “Valentine’s Day” americano (Dia de São Valentim). O publicitário João Dória (1919 – 2000), presidente de uma das grandes agências de publicidade de mundo, foi quem importou a iniciativa. Os comerciantes da cidade apoiaram a ideia e propuseram a escolha da data para junho, época de baixas vendas na cidade. Foi escolhido o dia 12, por ser véspera do dia de Santo Antônio, o santo casamenteiro. O slogan da campanha da loja A Exposição-Clípper, que ficava na esquina da Rua São Bento com a Praça do Patriarca, no centro da cidade, era “Não é só com beijos que se prova o amor“. (fonte: Guia dos Curiosos)

.

  • Segundo o Serasa, esta é a terceira melhor data para o varejo
  • O aparelho celular, é um dos itens mais vendidos

.

Já faz mais de meio século que o namoro foi embalado para presente e se estamos falando de presentes estamos falando de consumo e de produto e de consumidores que nesse tempo todo foram mudando de comportamento e opinião e querendo mais e exigindo o melhor o mais rápido possível e…ufa, assim mesmo, esbaforidamente sem vírgulas e sem ponto final, chegamos aos dias de hoje.

Mas não vou entrar no mérito do consumismo e das problemáticas geradas na nossa cachola, porque não sou obrigado! rs

Desapega, desapega, OLX!

placa localização clube doi solteiros dia dos namoradosComo a demanda é grande, e a ansiedade maior ainda, alugar-se para o dia dos namorados parece ser conveniente neste contexto todo. Afinal, muita gente está atrás de um relacionamento, mas não se entrega a relacionamento algum. Já tem sua vida encaminhada, seus horários, compromissos e esquemas…”meoooo, dá uma preguiça de ter que conhecer alguém!”, “Imagina ter que entender sua própria bagunça e ainda entender a bagunça de outra pessoa?”. Fica mais fácil colecionar momentos da noitada, da pegação, dos nudes e tudo mais…e “se um dia rolar de conhecer alguém legal, ai agente pensa…”.

E nesse meio tempo acaba conhecendo pessoas legais. Faz amistosos, mas na hora do jogo não emplaca e só resta colecionar relacionamentos que bateram na trave. #failcrush

Mas será então que esta é a pessoa mais azarada do mundo?

ÉÉÉÉÉÉééééééééé………..NÃO! Pode ser só mais um caso de pessoa autossabotadora da história contemporânea. Daquela que nunca achou a pessoa certa apenas porque passou a maior parte do tempo procurando a pessoa supostamente perfeita…com precisão cirúrgica do DataFolha rs

Ah, e não queria falar a real, mas essa pessoa perfeita não ecxiste! E digo com propriedade, pois eu já fui “desses”.

Como bom marqueteiro, me coloquei não só para locação como também para venda. E dá-lhe fotos no face, selfies dos meus poucos bons ângulos com frases arrebatadoras para o suspiro das futuras candidatas e formadoras de opinião (que indicam para as amigas). E rendeu, rendeu muito, rendeu para caráleo!

Eu sosseguei

Mas ao mesmo tempo, com o passar do tempo, isso deixou de fazer sentido. Estava me vendo dentro de um looping infinito que me mantinha na zona de conforto, interessado só nos momentos de maior prazer e satisfação dos relacionamentos, que no caso eram as primeiras oras do mesmo rs #mejulguem

Lembra que disse sobre a preguiça? Então, comecei a sentir o inverso. Tudo estava ficando chato, repetitivo e sem graça. Superficial e raso. Passei então, depois de algum tempo de reflexão, a querer realmente conhecer alguém, de verdade, profundamente.

Percebi que encaixar uma nova pessoa dentro da minha realidade – e, ao mesmo tempo, descobrir como fazer parte da realidade dela – não precisa ser necessariamente um problema. Na verdade pode, e deve, ser uma delícia! E fazer tudo isso de uma forma bem leve e natural, como ir na padaria comprar um pão.

Conselho não se dá. Se doa!

Minha intenção aqui não é dar sermão via textão, mas sim provocar uma reflexão  e um olhar para dentro de nós mesmos, construindo alguns pensamentos aleatórios e ao mesmo tempo que se complementam e levam ao ponto. Não sou guru nem exemplo de nada, não adianta querer puxar minha ficha para me desmascarar nos comentários depois rsrs

Então, só como um pequeno conselho de um amigo desconhecido (ou não, vai que você me conhece né) se dia 12 é Dia dos Namorados, todos os outros dias do ano são seus. E vai fazer uma diferença muito grande na sua vida aproveitar todos estes dias para se conhecer, se descobrir, se permitir e se amar.

Dito isto, tem um vídeo que gosto de mandar para todos as pessoas que estimo, que fala do fator-chave para qualquer namoro ou outro nível de relacionamento, seja ele familiar, a dois, enfim: o amor. E do amor que tenho como meu ideal de vida e que acredito profundamente que deveria ser o sentimento desejado e lapidado por todos nós, que é o amor genuíno.

Assista este vídeo com muita atenção, sem pressa. Tenho certeza que ele vai mexer com você de alguma forma. Seja por despertar em você esse conceito,  ou por explicar “algo que você sempre sentiu mas não conseguia explicar”.

“Qualquer tipo de relacionamento no qual imaginamos que poderemos ser preenchidos pelo outro será certamente muito complicado.”

(Jetsunma Tenzin Palmo)

PS.: Nestes dias, ao invés de postar “Alugo-me para o Dia dos Namorados”, diga “Doa-se amor para Todos os Dias” ♥

  • http://ihero.com.br Márcio Ribeiro

    Esse vídeo é incrível!! <3